a xanela malva e a cerdeira

un hábitat condenado a morte polo ladrillo

equilíbrio

gato7.jpg

achégase aos meus pés co rabo teso buscando agarimos. Os tomates maduran engorde, e a rádio soa baixiño.

Gosto desta música lenta e destes cheiros lentos, cando as follas da cerdeira ainda están verdes, e prepáranse verticais para a treboada.  

Lostrega o ceo e romban as nubes, e caen as primeiras pingas gordas na terra.  E sinto de novo a miña casa: a horta ehi fóra, eu dentro coas miñas cousas e os meus ritmos.

A paciéncia dos gatos, e o sol, que vai cara á esquerda, camiño da begónia.

Setembro 4, 2007 - Posted by | fauna, gatos

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

<span>%d</span> bloggers like this: